LIVRARIA ONLINE

SINOPSE


Ao Entardecer (PDF)
Ao Entardecer: contos vários, é uma coletânea de contos escritos pelo Visconde de Taunay que foram primeiramente publicados em jornais e depois reunidos pelo próprio autor em um livro previamente intitulado “Já Crepúsculo”; em 1899. Porém; com sua morte neste mesmo ano; o Visconde de Taunay não presenciou a impressão do seu livro; deixando um dos seus últimos trabalhos nas mãos de seu irmão Luiz Goffredo de Escragnolle Taunay; que conclui este projeto publicando o livro com um título mais suave e definitivo; em 1901. Ele é composto por seis contos de diferentes gêneros discursivos; nos quais o autor revela a sua grande habilidade narrativa; explorando as facetas trágicas; cômicas; satíricas e irônicas; que dão o tom a cada um dos textos. Assim; para “Pobre menino!”; “Cabeça e coração” e “Uma vingança”; observa-se o tom trágico; para “Rapto original”; o cômico-satírico; para “Ciganinha”; o cômico; e para “Estorvo”; o tom irônico-trágico. Além dessa versatilidade; estes narradores ainda apresentam alguns traços da modernidade como a intertextualidade (nos momentos em que as referências literárias desempenham funções diversas); as digressões (nas vozes outras que se inserem aqui e ali); alguns momentos metalingüísticos; a virtuosidade descritiva e o caráter urbano-culto da linguagem (que o leva a caracterizar os falares e as práticas culturais interioranas). Nesta fase já madura de sua vida; o Visconde de Taunay encontra; pois; no conto mais uma forma de atualizar suas idéias inovadoras; sua genialidade narrativa e seu espírito crítico em relação à sua época e à sociedade. Diante disso; além da análise destes traços narrativos atribuídos aos contos; feita a partir sobretudo do pensamento bakhtiniano; mas não só; e apresentamos também uma nova versão de cada uma das narrativas.
 
 
 

Valor do empréstimo: R$ 0,00



Ministério Da Cultura e BRDE


Clube do leitor - Comentários

Faça um comentário: * Somente leitores registrados podem enviar comentários. Faça seu login.